Quarta-feira, 31 de Outubro de 2007
O Menino Chinês

   Yong Ya , para além de ser pequeno em tamanho (não é que tenha alguma coisa contra os pequenos, mas...), era um grande e famoso pintor devido ao facto de se inspirar facilmente, e fazia-o do seguinte modo: olhava em frente e não fazia nada mais, nada menos que deixar que a sua imaginação voasse.

   A sua imaginação voava com o vento, para onde ela a levasse a imaginação passava-lhe informações que ele já habituado a comunicar com ela, traçava leves riscos num papel de papiro (nem são só os egípcios que o usam).

   Logo que a sua imaginação estivesse cansada de vaguear com o vento por lugares ainda para nós desconhecidos e que só eles os dois conhecem, voltava, voltava lenta e em pezinhos de lã para que ninguém desse pla sua passagem.

   Voltava, verdade é certa, mas como ia acompanhada tinha medo de voltar sozinha, então voltava com todas as cores que encontrasse pelo caminho (estando elas alegres ou tristes), e quando chegavam junto de Yong Ya, estavam cansadas, desse modo, lentamente se instalavam nas montanhas, nos rios e em todos os lugares no papiro, onde existia um esboço a preto, branco e em tons de cinzento.

   Eu neste momento estou em pleno areal junto ao mar, deixo a minha imaginação voar, é por-do-sol, ela prefere ver o por do sol do que ir para as montanhas, nevadas, com cumes brancos, as montanhas dos países nórdicos, mas, com este magnífico por-do-sol á beira-mar até eu quero ficar aqui, porque motivo iria ela querer ir para lá agora se tem muitas opirtunidades dessas enquanto estou na escola?!

   Voltando ao início, não estou a comparar-me pois sei que em tudo lhe fico atrás. 



publicado por bobone1 às 16:23
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De Prof. Paulo Faria a 31 de Outubro de 2007 às 22:29
Parabéns, Ivone, apesar de algumas gralhas, parece-me que foste bem mais cuidadosa neste texto.


Comentar post

.mais sobre mim
.Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Auto da Barca do Inferno ...

. Hoje

. Leitura

. O Medo do Anjo

. Medo

. Solidão

. Rotineiro

. Poema

. Poema

. Trilogia da Erança

.arquivos

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Julho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.links
.pesquisar
 
blogs SAPO
.subscrever feeds